sábado, 7 de junho de 2008

Princípios de intervenção para a dificuldade de começar as tarefas

Deixar clara a importância da estrutura da tarefa para a vida fora da escola, relacionando aquele aprendizado com a vida prática do aluno.

Dar ao aluno direções verbais (por exemplo, encorajá-lo a escrever as instruções verbais e a anotar tudo o que é importante);
Dar provas e trabalhos escritos (aprender a ser o mais objetivo e especifico possível nas respostas);
Pontuar tudo o que acha importante na tarefa (relacionar com sentenças de tópico, escrever á mão, fazer tabelas ou gráficos);
Fazer os trabalhos em duplas ou em pequenos grupos, permanecendo em silencio; Colorir, circular, sublinhar ou reescrever as instruções das tarefas, palavras mais difíceis e sinais de processos matemáticos.