quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

CONHECENDO E SE ADAPTANDO NA NOVA ESCOLA



ATIVIDADES DA EDUCAÇÃO INFANTIL

Problematização:
1º dia de aula, a caminhada para a escola significa término das férias e para os novatos um mundo novo e desconhecido. Nem sempre este dia é tão esperado e desejado.
Ao freqüentar um ambiente novo, a criança necessita de um período para se adaptar ao espaço, às pessoas e às novas relações que vão surgir.
De acordo com Wallon é por meio das emoções que a criança se relaciona com o mundo e se desenvolve. E o aspecto emocional está intimamente ligado ao orgânico: alteração dos batimentos cardíacos, respiração, tensão muscular. Assim a criança precisa expressar suas emoções e relacionar-se afetivamente com o mundo. E cá entre nós, não são apenas as crianças que têm o coração acelerado, o que se vê de olhos arregalados, de cabelos despenteados, de sorrisos tensos entre professores que precisam controlar as mais variadas reações das crianças não é nada moleza!
Assim, o professor ao avistar as carinhas conhecidas ou totalmente desconhecidas deverá ter em mente que a adaptação da criança se dará pelo esforço que ela fará para ficar bem no espaço coletivo, onde o relacionamento e as regras são diferentes daquelas que ela vivência em casa. E que não será suficiente somente o esforço da criança para se ajustar à nova situação. Será da responsabilidade do professor acolher, aconchegar e procurar o bem estar físico e emocional da criança.
Para Vygotsky é nas relações pessoais que o ser humano se constrói, é por meio delas que o indivíduo internaliza os elementos da cultura. Então este poderá se tornar o tempo ideal para promover uma aproximação entre alunos e professores, uma vez que a criança na Educação Infantil está na fase de se auto conhecer e perceber o espaço em que está inserida e ao mesmo tempo começa a dividir espaço e experiências com os coleguinhas.
Sendo assim, como a professora e a Equipe Escolar poderão proporcionar uma acolhida agradável e cheia de segurança para seus alunos?

Objetivo Geral:
ü Proporcionar um ambiente agradável e acolhedor, visando o bem-estar do educando e sua adaptação à nova Escola.
Objetivos Específicos:
ü Familiarizar a criança ao espaço escolar e sua rotina;
ü Interagir de maneira lúdica com o professor e com os colegas;
ü Proporcionar atividades nas quais as crianças sintam-se á vontade para manifestar suas emoções e necessidades.

O que já sabemos sobre:
O que queremos saber sobre:
O que aprendemos sobre:

ü A escola é um lugar onde posso conhecer outras pessoas e aprender.
ü Conviver com outras pessoas;
ü Seguir rotinas;
ü O nome da escola, dos colegas e da professora;
ü Conhecer e saber localizar-me nos diversos ambientes da escolar.

Data:11/02/2007
Intencionalidade Pedagógica:
ü Reconhecer seu nome escrito, sabendo identificá-lo nas diversas situações do cotidiano;
ü Interessar-se e demonstrar curiosidade pelo mundo social;
ü Comunicar idéias matemáticas, hipóteses, processos utilizados e resultados encontrados em situações-problema relativas a quantidade.
ü Ampliar as possibilidades expressas do próprio movimento, utilizando gestos diversos e o ritmo corporal nas suas brincadeiras, danças, jogos e demais situações de interação.

Atividades:
08:00 as 09:20 – Linguagem Oral e Escrita
Receber os alunos no portão, encaminha-los para sala, deixar que entrem e explorem seu novo ambiente de ensino/aprendizagem.
Logo após todos terem se acomodado, com o uso de 1 fantoche, iniciar as apresentações, iniciando pela professora, logo após o fantoche passará de mão em mão, onde cada criança falará seu nome.
Em seguida, vamos cantar a canção de Boas Vindas: “Bom dia, como vai?”
Bom dia, amiguinho, como vai?
Bom dia, amiguinho, como vai?
Faremos o possível para sermos bons amigos!
Bom dia, amiguinho, como vai?
Ao término da apresentação e da canção, a professora chamará os alunos, um a um, para que identifiquem seus crachás. Explicar que todos os dias eles deverão usá-los para ficar mais fácil a identificação no portão. (nesta atividade já será notado quem já identifica ou não seu nome).

09:20 as 10:40 – Natureza e Sociedade/Matemática
Agora vamos fazer um passeio pela escola, conhecendo e apresentando todos os ambientes para que as crianças se familiarizem com sua nova “casa”.
Ao retornar a sala, fazer a roda da conversa, comentando sobre o que tem na escola e o que mais gostaram. Logo após entregar a atividade: “Na minha escola tem:” (anexo 01). Ao término da atividade, todos juntos vamos contar quantas respostas foram coloridas e quantas não foram coloridas e vamos anotar com risquinhos. Ex.: III


10:40 as 12:00 – Movimento/Música
Vamos nos movimentar e cantar: a música “Se você está Feliz!”
Se você está feliz...
Bata palmas.
Se você está feliz...
Bata os pés.
Se você está feliz...
Dê pulinhos.
Se você está feliz...
Dê uma voltinha.
Se você está feliz...
Dê gargalhada.
Se você está feliz é tão fácil acreditar.
Se você está feliz...
Após a brincadeira vamos conversar sobre o dia, fazer alguns lembretes e nos despedir com a canção: “Onde está a minha mão?”
Onde está a minha mão?
Estou aqui.
Onde está a outra mão?
Estou aqui.
- Como vai você?
- Eu vou muito bem!
- Eu já vou embora!
- Eu já vou também!
- Tchau!
- Tchau!
- Tchau!



Data:12/02/2007
Intencionalidade Pedagógica:
ü Ampliar as possibilidades expressas do próprio movimento, utilizando gestos diversos e o ritmo corporal nas suas brincadeiras, danças, jogos e demais situações de interação.
ü Explorar e utilizar de alguns procedimentos necessários para desenhar, realizar dobradura, pintar, etc.

Atividades:
08:00 as 09:20 – Música
Receber os alunos no portão, encaminha-los para sala, iniciar com a canção de Boas Vindas: “Bom dia, como vai?”
Bom dia, amiguinho, como vai?
Bom dia, amiguinho, como vai?
Faremos o possível para sermos bons amigos!
Bom dia, amiguinho, como vai?
Fazer a toda da conversa, deixar que contem suas novidades.
Posteriormente fazer a Ginástica historiada:
“As Sementinhas”.
Crianças em fileiras ou em roda.

Chegou a hora de plantar
A linda sementinha.

Bater as pontas dos dedos da mão direita sobre a palma esquerda.
Variação: Uma semente, duas sementes, três sementes... todas as sementes.

Vou cobri-la com a terra.
Para ela não fugir.

Com a mão direita, fechar um dedo de cada vez da mão esquerda.
Terminar cobrindo-a com a mão direita.

Chega a chuva pra molhar
A terra e a sementinha.

Com os dedos da mão direita, movimentar-se sobre a mão esquerda.

Vem o sol com seu calor,
Pra cuidar da sementinha.

Abrir e fechar as pontas dos dedos da mão direita, no alto, como raios de sol.

A sementinha vai brotar
E mostrar uma folhinha.

Esticar, um a um, os dedos da mão esquerda, começando com o polegar.

E a plantinha cresceu, cresceu,
Carregada de florzinhas!

Lentamente, levar as mãos juntas para o alto, em forma de flor.

Após a brincandeira, solicitar que ilustrem a Ginástica Historiada. (anexo 02)


09:20 as 10:40 – Artes Visuais
Fazer a Dobradura da Escola, colar em sulfite e pedir que ilustrem o desenho da escola. (anexo 03).

10:40 as 12:00 – Movimento

Distribuir massinha e permitir que eles façam modelagens livremente. Que exponham seus desejos e sentimentos.
Para terminar a aula e a semana, conversar sobre o dia, fazer alguns lembretes e nos despedir com a canção: “Onde está a minha mão?”
Onde está a minha mão?
Estou aqui.
Onde está a outra mão?
Estou aqui.
- Como vai você?
- Eu vou muito bem!
- Eu já vou embora!
- Eu já vou também!
- Tchau!
- Tchau!
- Tchau!

RECURSOS UTILIZADOS
ü Cartolina, cola, tesoura, barbante, sulfite, músicas infantis, dobradura, jogos e brincadeiras, giz, lápis de cor.

MATERIAIS DE PESQUISA:
ü ASSIS, REGINA DE. MULTIEDUCAÇÃO, UMA NOVA LINGUAGEM PARA A ESCOLA. ESCOLA & VÍDEO, Rio de Janeiro (RJ): n. 9, p. 15-17, ago.1994.
ü Apostila de Jogos Infantis elaborado pelo INSTITUTO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DE JUIZ DE FORA
ü Pesquisa ao site: http://www.4shared.com/
ü AROEIRA, Maria Luisa Campos. Projetos para a Educação Infantil . Módulo 2. Belo Horizonte: Dimensão, 2004